Convite à Reflexão

por Por Luiz Gonzaga da Rocha*

Resumo

O presente artigo versa sobre evasão maçônica e apresenta como assertiva, o argumento de que o irmão inativo é um irmão insatisfeito; como verificabilidade, a confirmação de que 70% dos irmãos inativos demonstram certo grau de dissintonia com a Loja, Ordem ou Irmãos; como refutação, a dúvida se 30% dos irmãos inativos estão nesta condição por razões como: mudanças de domicílios/empregos, e motivos filosóficos, religiosos ou intelectuais; e como conclusão, o argumento de que o irmão evasivo é um irmão que pode ser resgatado, e o paradigma (novo) a ser considerado pelos Dirigentes Maçônicos esteja eles na base ou ápice da pirâmide: a exigência de se ter um objetivo principal definido (OPD), fidelizar os maçons das suas Oficinas, e “ler- aprender-ensinar”.

Leia mais...

Comentários

Brasília

Vinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo Slider

Facebook

Desenvolvimento, Hospedagem e Manutencao por IBS WEB .'.