ENTÃO É NATAL

Por Luiz Gonzaga Rocha∗

Jesus

Mais uma vez é Natal! Mais uma vez o advento de Deus Homem marca a grande festa da solidariedade e da fraternidade universal. E quanto mais o dia 25 de dezembro se aproxima, mais as celebrações da “Natividade do Senhor” desafia a sociedade a emprestar-lhe a impostação desejada de Deus e, mais, ainda, o espírito natalino toma conta das pessoas, envolvendo-as numa atmosfera alegre e feérica que inunda o cotidiano, favorecendo para que se extravasem, acima das perspectivas comerciais os sentimentos de amor e fraternidade.
Além da evocação de luzes, arvores enfeitadas, presépios, trocas de presentes, ceia de natal, visita de amigos e comes e bebes, a vivência do Natal toca as raízes mais profundas da nossa existência cristã, exige fé e compromisso, reaviva a nossa esperança e empresta sentido à nossa vida.
Celebrar o Natal é acreditar que o Filho de Deus se fez homem e veio habitar entre nós. Significa acreditar que Deus está conosco e que Ele é Jesus Cristo. Celebrar o Natal é acreditar que em Jesus Cristo temos um “Pai Comum” e por isso somos todos irmãos.
O Natal festeja e comemora o Nascimento do Nosso Senhor Jesus Cristo – O Filho de Deus – e consiste, hoje, em seu caráter espiritual-religioso, num reencontro da humanidade com Deus, por intermédio de Jesus Cristo – O Verbo do Verbo – que assumiu a condição humana e se dispôs a padecer como qualquer humano ao vir habitar entre nós, numa demonstração insofismável de que somos com Ele partículas de Deus, porque Ele foi, integralmente, um de Deus e o próprio Deus se fez Nele um dos nossos.
Todavia, existem nas comemorações do Natal outras realidades menos divinas e menos profundas mais que mexem diretamente conosco – são os símbolos do Natal – e essa simbologia existe para dizer que a “Festa da Confraternização Universal” é um raro momento para superação de pequenas e grandes dissensões entre os homens. E O ALEIJADINHO, diante das comemorações do Natal, suplica ao GADU para que Se volte para nossa sociedade e faça cessar a violência, a miséria e a pobreza e interceda para que todas as crianças tenham um lar, e que o amor, a justiça, a liberdade e igualdade permeiem as relações humanas.

- FELIZ NATAL & UM PRÓSPERO ANO NOVO –

Capturar

∗Luiz Gonzaga Rocha - 33, Membro Efetivo e Fundador da ARLS Antônio Francisco Lisboa nº 24 (hoje nº 3793), Benemérita da Ordem, fundada em 21 de junho de 1985. O Presente artigo foi publicado no Jornal “O Aleijadinho” nº 02, que circulou em dezembro de 1996.
Marcadores: #Maçonaria. #História. #Aleijadinho #Brasília #Brasil
Postagem: www.unidosporbrasilia.com.br/aprendiz - 27/11/2018.

Comentários

 logo-esoteric-mundi

Agenda

Abril 2019
D S
31 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 1 2 3 4

Contador de Acessos

Brasília

Vinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo Slider

Facebook

Desenvolvimento, Hospedagem e Manutencao por IBS WEB .'.